Introdução

Parabéns, você acabou de dar um passo em direção a estudar em uma das melhores universidades do mundo ao entrar em nosso projeto! Somos um grupo de estudantes com vontade de ajudar nossos companheiros brasileiros a desvendar e superar o complexo processo de application para universidades americanas!

Por que estudar nos EUA?

São muitas as vantagens de estudar-se nos EUA: você poderá conviver com pessoas do mundo inteiro, ter aulas com professores no topo de suas áreas (muitas vezes vencedores de prêmios Nobel), ter acesso a laboratórios de pesquisa de primeira linha, vivenciar uma grade curricular muito flexível (na qual é estimulada a interdisciplinaridade e a descoberta de novos interesses), aprimorar a fluência em inglês (e, quem sabe, em outras línguas), além de conseguir um diploma muito respeitado no mercado de trabalho mundial!

Tenho chances?

Muitas pessoas não tentam estudar nos EUA por falta de informação: acham que é algo só para “gênios” e/ou para pessoas ricas. Entretanto, a realidade é muito diferente. Além de haver uma grande gama de universidades, desde as mais difíceis até as mais fáceis (o que será discutido no capítulo de escolha de universidades), nem todos os alunos admitidos em universidades americanas são estrelas acadêmicas – elas buscam diversidade; Stanford, por exemplo, seria um lugar muito chato se só houvesse “gênios”. Ademais, é comum conseguir ajuda financeira (Financial Aid) se você for aceito, já que a maioria oferece tal ajuda baseado na sua capacidade de pagar. Do mesmo jeito, ter muito dinheiro e/ou tirar boas notas na escola não é suficiente para garantir uma vaga em tais universidades. As únicas coisas necessárias são: nível suficiente de inglês, desempenho escolar de acordo com as universidades de interesse e muita dedicação!

Como funciona?

O processo de admissão em universidades americanas é muito diferente do brasileiro. No Brasil, somos julgados unicamente pela nota em uma prova, o vestibular, enquanto lá as provas são apenas uma pequena parte levada em conta na decisão final; é um processo muito mais subjetivo e íntimo. Neste capitulo, descreveremos em linhas gerais todos os requerimentos e nuanças do application. Mais detalhes sobre cada parte poderão ser vistos em seguida. Lembre-se de que algumas universidades têm algumas peculiaridades, por isso, após escolher as que irá tentar, é muito importante ir ao site de cada uma para conhecer e entendê-las (Dartmouth, por exemplo, pede uma carta de recomendação de um amigo).